Ele de Luis Buñuel
Él
1953 - México - Data de estreia: 11-07-2019
Com: Arturo de Córdova, Delia Garcés, Luis Beristáin, Aurore Walker, Manuel Dondé, Carlos Martínez Baena, Fernando Casanova

Numa cerimónia religiosa, o olhar de Francisco é atraído pelos pés de Gloria, sentada na primeira fila. Depois da missa, segue-a mas perde-lhe o rasto. Encontra-a e afasta um namorado incómodo, Raul. Francisco e Gloria casam. Logo na viagem de núpcias começa um pesadelo para Gloria, de que ela escapa com a ajuda de Raul, com quem refaz a vida. Tem um filho, a quem dá o nome de Francisco. Em família, visita o ex-marido, que foi viver a sua amargura para um convento. É informada de que o estado dele regista francas melhoras, que parecem ser contrariadas pela sua incapacidade de andar a direito.

Folha de Sala / Dossier de Imprensa

Biografia do realizador:

LUIS BUÑUEL (Calanda, Espanha, 1900 — Cidade do México, 1983), cineasta e escritor, foi considerado o primeiro a realizar um filme inteiramente surrealista, escrito e realizado em conjunto com o pintor Salvador Dalí, e que seria o seu primeiro filme, UN CHIEN ANDALOU (1929). UN CHIEN ANDALOU só seria possível devido a dinheiro emprestado pela sua mãe. Mas antes de experimentar o trabalho de realização, já tinha pisado os terrenos do cinema quando, no início dos anos 20, trabalha em Paris como assistente do realizador Jean Epstein. 
Segundo Octavio Paz, o trabalho de Buñuel é “o casamento entre a imagem fílmica e a imagem poética, criando uma nova realidade… escandalosa e subversiva”. 

Info:

Género: Drama, Romance
Duração: 1h 32min
Classificação: M/12

Ficha Técnica:

Realização: Luis Buñuel
Argumento: Luis Buñuel e Luis Alcoriza, baseado numa novela de Mercedes Pinto
Direcção de Fotografia: Gabriel Figueroa
Décors: Edward Fitzgerald
Música: Luis Hernández Breton
Som: Jesús Gonzalez Gancy
Montagem: Carlos Savage e Luis Buñuel