Filmes em Exibição

Voltar
O Testamento de Orfeu de Jean Cocteau
Le Testament d’Orphée
1960 - França - Data de estreia: 23-08-2018
Com: Jean Cocteau, Françoise Arnoul, Claudine Auger, Charles Aznavour, Brigitte Bardot, Lucia Bosé, Yul Brynner, María Casares, Françoise Christophe

Vestido com o traje de Luís XV, o Poeta encontra fantasmas simbólicos através de uma viagem misteriosa. Sem uma delimitação de espaço e tempo, ele revisita a sua infância, adolescência e velhice, encontra-se com uma cigana, com a sua mãe e com personalidades mitológicas. Numa mistura de realidade e poesia, ele procura uma sabedoria divina que faz a ligação entre as suas obras e as experiências que tem consigo mesmo.

Biografia do realizador:

Poeta, romancista, pintor, autor teatral, conhecido sobretudo pela sua obra cinematográfica, foi um dos maiores nomes da arte francesa deste século, tendo sido associado a quase todas as grandes aventuras do modernismo - dos «ballets russos» de 1910, ao cubismo, ao dadaísmo, ao surrealismo, etc. O seu percurso pontuado de escândalos e peripécias culminou com a consagração oficial da Académie Française em 1955. “O grande inspirador dos cineastas franceses”, segundo Rivette, o ponto de ligação entre “Lola” de Jacques Demy, François Truffaut, algum Godard e Garrel. Realizou algumas das maiores obras-primas do cinema mundial: “Le Sang d’un Poète” (1930); “La Belle et La Bête” (1945); “Le Testament d’Orphée” (1960).

Info:

Género: Drama
Duração: 77 min
Classificação: M/12

Ficha Técnica:

Realização – Jean Cocteau
Argumento –Jean Cocteau
Direcção de Fotografia –Roland Pontoizeau
Montagem – Marie-Josèphe, Yoyotte
Música – Georges Auric, François Baschet, Jacques Lasry, Jacques Météhen, Martial Solal, Christoph Willibald Gluck
Uma Produção Cinédis e Les Editions Cinégraphiques
Produtor – Jean Thuillier, François Truffaut