CINEMA FRANCÊS 1930-60 - Os Grandes Mestres (Os “padrinhos” da Nouvelle Vague)

12 de Julho a 10 de Outubro, no Espaço Nimas, em Lisboa

A Leopardo Filmes irá organizar um extenso ciclo dedicado aos grandes realizadores do cinema francês dos anos 30, 40 e 50, aqueles que “alimentaram a geração da Nouvelle-Vague”, aqueles que abraçaram o cinema nas “suas expressões mais conscientes”, para usar uma expressão de Serge Daney, aqueles que “mudaram as formas” do cinema e por isso influenciaram todos os outros cineastas.

São 16 filmes, vários deles inéditos em sala em Portugal, 16 obras-primas, essenciais para a compreensão da história do cinema francês (diríamos mesmo que da história do cinema tout court), filmes que “mudaram a nossa vida e mudaram o cinema”, realizados por 10 dos maiores realizadores franceses entre 1936 e 1960, que agora vamos poder ver em versões digitais restauradas, legendadas em português.

>>
  Ciclo RÚSSIA - ESSE ENIGMA, Uma Cinematografia de Génio(s)

Certa vez, e porque, como ele o disse, “andava a mania de se resolver tudo em termos de futebol”, o poeta Vinicius de Morais, escreveu um artigo, onde, desafiado por uma jovem amiga que começava a ver os grandes clássicos do cinema, lhe “oferecia” um “supertime” dos grandes cineastas. A febre mundial por causa do Mundial de Futebol está aí de novo, a bater-nos à porta da nossa atenção. Decorrerá a partir de 14 de Junho, na Federação da Rússia, e coincide com o seu Dia Nacional.

E porque há mais vida para além do Mundial de Futebol, a Medeia Filmes propõe, no cinema Monumental, um ciclo, que começa exactamente a 14 de Junho e se prolonga até ao dia 11 de Julho, alternativa e complemento para o que se passará dentro e fora das 4 linhas. Falamos de um ciclo de cinema russo, essa cinematografia de génio(s), que importa (re) visitar.

>>
Compre bilhetes online para os nossos cinemas

Já é possivel comprar bilhetes online para as nossas sessões. Visite-nos na BOL.

Ver