Drive My Car

de Ryûsuke Hamaguchi

com Hidetoshi Nishijima, Toko Miura, Masaki Okada, Reika Kirishima

  • Doraibu Mai Kâ | 
  • 2h 59min | 
  • M/12 | 
  • 2021 | 
  • estreia 10.03.2022

sinopse

O actor e encenador Yusuke Kafuku é convidado a encenar O Tio Vânia de Tchécov num festival de teatro em Hiroshima. No carro em que se desloca, conduzido pela discreta jovem Misaki, Kafuku confronta-se com o passado e o mistério sobre a sua mulher, Oto, que morrera subitamente levando um segredo com ela.

  • 2021 | 
  • Drama | 
  • Longa-metragem | 
  • 2h 59min | 
  • M/12 | 
  • Japão | Falado em Japonês

estreia 10.03.2022

festivais e prémios

ÓSCARES — VENCEDOR: Melhor Filme Internacional

3 Nomeações: Melhor Filme, Melhor Realização, Melhor Argumento Adaptado, 


BAFTA — Vencedor Melhor Filme Estrangeiro

Nomeado nas categorias de Melhor Realização e Melhor Argumento Adaptado


Globos de Ouro – Vencedor Melhor Filme Estrangeiro

Festival de Cannes – Selecção Oficial em Competição; Prémio de Melhor Argumento; Prémio FIPRESCI; Prémio do Júri Ecuménico

Independent Spirit Awards – Melhor Filme Internacional

Asia Pacific Screen Awards – Melhor Filme; Melhor Argumento (Ryusuke Hamaguchi, Oe Takamasa)

crítica e imprensa

  • Extraordinário. Uma experiência cativante e engrandecedora.

    • Peter Bradshaw, The Guardian
  • Sublime

    • Manohla Dargis, New York Times
  • Um golpe de mestre

    • Thierry Chèze, Première
  • Poético e profundo

    • Stephen Dalton, The Hollywood Reporter
    • Les Inrockuptibles
    • Le Monde
    • Libération
    • Positif

biografia do realizador

Nascido em 1978, em Kanagawa, Ryûsuke Hamaguchi é o realizador japonês mais importante surgido nos últimos anos, adepto de um realismo despojado que retrata de forma meticulosa o tumulto dos sentimentos. Após concluir a formação em Estética pela Universidade de Tóquio, em Março de 2003, trabalhou como assistente de realização em cinema e televisão durante três anos. Em Março de 2008, concluiu o Mestrado em Cinema na Graduate School of Film and New Media, na Universidade de Artes de Tóquio. Em 2015, surpreende com Happy Hour – Hora Feliz, filme com o qual conquistou o Prémio de Melhor Actriz (para o ensemble das actrizes do filme) e uma Menção Especial pelo Argumento, no Festival de Locarno, onde integrou a Selecção Oficial. Recebeu ainda o Prémio de Melhor Realização no Festival de Cinema de Singapura e o Prémio de Melhor Argumento nos Asia Pacific Screen Awards. Asako I & II (2018), baseado no romance Netemo Sametemo de Tomoka Shibasaki, integrou a Selecção Oficial em Competição do Festival de Cannes. Wheel of Fortune and Fantasy (2021) venceu o Grande Prémio do Júri, no Festival de Berlim, e Drive My Car (2021) foi galardoado com o Prémio do Júri Ecuménico, Prémio de Melhor Argumento e ainda o FIPRESCI, no Festival de Cannes.

ficha técnica

Hidetoshi Nishijima
Toko Miura
Masaki Okada
Reika Kirishima


Argumento: Ryusuke Hamaguchi, Oe Takamasa, com base no conto homónimo de Haruki Murakami
Fotografia: Hidetoshi Shinomiya
Produção: Kazuo Nakanishi, Yûji Sadai
Distribuição: Leopardo Filmes

próximas datas